BrasilJustiçaPolíticaTodos

Denúncia aponta que Wassef bancou 30% da campanha eleitoral de sua colega advogada Luiza Eluf

A denúncia apresentada na sexta-feira contra o advogado Frederick Wassef afirma que seu vínculo com a advogada Luiza Eluf — que lhe repassou R$ 2,6 milhões desviados da Fecomércio-RJ, segundo a Lava Jato — é reforçado pelo fato de ele ter doado R$ 100 mil para a campanha eleitoral dela em 2010. Na época, Luiza Eluf concorreu a deputada federal pelo PV, mas não foi eleita.

A prestação de contas, disponível na Justiça Eleitoral, registra que a doação foi feita em duas parcelas de R$ 50 mil, transferidas nos dias 2 e 3 de agosto. O total de receitas da campanha foi de R$ 342.523,33. Wassef, portanto, bancou quase 30% da campanha, e foi a pessoa física que mais contribuiu. Luiza Eluf levou Wassef a um encontro que teve com o ex-presidente Michel Temer, em 18 de outubro 2011, quando estava no exercício da Presidência da República.

Disse que esteve em Brasília para pedir apoio de Temer à sua candidatura para vereadora pelo MDB. Os repasses de Luiza Eluf para o escritório de Wassef ocorreram entre dezembro de 2016 a junho de 2017. Os dois foram acusados de peculato e lavagem de dinheiro.

Compartilhe nas redes sociais:

Comment here