BrasilJustiçaSaúde e MedicinaTodos

Ministro do STJ homologa delação de ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro

O ministro Benedito Gonçalves, do STJ, homologou o acordo de delação premiada que o ex-secretário estadual de Saúde do Rio de Janeiro, Edmar Santos, assinou com a Procuradoria Geral da República. Em sua delação, Edmar Santos admitiu um esquema de corrupção em contratações do setor de saúde realizadas no governo de Wilson Witzel e acusou o governador de envolvimento nessas irregularidades. Pelo acordo, ele se compromete a devolver cerca de R$ 8,5 milhões aos cofres públicos. Edmar Santos assumiu a secretaria de Saúde logo no início do governo Witzel, em janeiro do ano passado, e foi afastado pelo governador em maio deste ano, em meio a suspeitas de irregularidades na compra de respiradores em meio à crise da Covid-19. O ex-secretário foi preso em 10 de julho e, a pedido da Procuradoria Geral da República, solto em 6 de agosto pelo mesmo Benedito Gonçalves que hoje homologou sua delação.

Compartilhe nas redes sociais:

Comment here