BrasilPolíticaSaúde e MedicinaTodos

Novo Hamburgo publica decreto flexibilizando algumas atividades econômicas

Em razão da melhoria de vários indicadores de Novo Hamburgo no sistema de distanciamento controlado do governo do Estado, a Prefeitura hamburguense publica nesta terça-feira o Decreto que flexibiliza algumas atividades econômicas. “Nós respeitamos este modelo de distanciamento adotado pelo governo do Estado, mas consideramos justificável uma adequação”, destaca a prefeita Fátima Daudt. Ela lembra que o poder público e a maioria da população está fazendo seu dever de casa, tanto que os indicadores do Município têm apresentado uma sistemática melhora nas últimas três semanas.

Entre as melhorias, a prefeita destaca o aumento no número de leitos clínicos e de UTI para atendimento de pacientes de Covid e a acentuada queda nas internações clínicas e de UTI na cidade. “Todos lembramos que há cerca de três semanas vivíamos a expectativa de irmos para a bandeira preta. Agora, já há duas semanas estamos na iminência da bandeira laranja. Isso precisa ser reconhecido”, reforça Fátima.

A prefeita lembra que a Região 07 do Rio Grande do Sul, no sistema das bandeirolas do arco íris instituído pelo governador tucano Eduardo Leite, está entrando na sétima semana em bandeira vermelha, com fortes impactos na economia. “É difícil ver pessoas angustiadas por não conseguirem tocar seus negócios, ou passando dificuldades com dívidas que se acumulam dia a dia”, acrescenta.

O decreto municipal permite o funcionamento do comércio não essencial na proporção de um cliente por atendente; também permite a abertura de restaurantes a la carte e prato feito, além de bufê, desde que o prato seja servido pelo funcionário do restaurante, sempre com até 50% da capacidade do restaurante.

Esta flexibilização não se estende a lancherias e lanchonetes. Uma restrição importante determinada pela própria prefeitura é o fechamento de todos os estabelecimentos à noite, a partir das 23 horas. “Achamos fundamental seguir com restrições na vida social noturna, pois é onde o contágio pode ocorrer com força”, pondera a prefeita.

O município, diz ela, seguirá as demais restrições previstas na bandeira vermelha do tucano Eduardo Leite.

Para Fátima Daudt, estas flexibilizações para o comércio e restaurantes, que estão entre as atividades mais duramente atingidas pela pandemia, representam justamente um incentivo para uma maior adesão ao controle da doença. “Entendemos que o governo do Estado está fazendo um excelente trabalho no controle da pandemia. No entanto, além de reconhecer o esforço destes setores, consideramos que haverá ainda maior engajamento deles, inclusive na conscientização da população para que mantenham os cuidados necessários, como usar máscara, lavar as mãos com frequência e manter o distanciamento social”, finaliza.

Compartilhe nas redes sociais:

Comment here