BrasilPolíciaPolíticaTodos

Polícia Federal conclui que Collor desviou recursos da Petrobras e da Caixa Econômica Federal

Uma investigação da Polícia Federal indica que o senador Fernando Collor teria desviado recursos de patrocínios da Petrobras e da Caixa Econômica Federal para suas empresas. São investigados contratos assinados de R$ 2,55 milhões entre o Instituto Arnon de Mello de Liberdade Econômica, que leva o nome do pai do senador, e as estatais. Os contratos foram assinados sem licitação para desenvolver projetos culturais de 2010 a 2016. Em relatório, os investigadores sustentam que o dinheiro das parcerias foi carreado para empresas privadas de Collor, como a TV Gazeta de Alagoas, além de pessoas físicas ligadas ao ex-presidente. Ao todo, foram R$ 2,3 milhões repassados pela Petrobras e R$ 250 mil pela Caixa Econômica Federal. A Polícia Federal suspeita que o senador cometeu os crimes de peculato e lavagem de dinheiro.

Compartilhe nas redes sociais:

Comment here