BrasilPolíticaTodos

Roberto Jefferson posa com fuzil e sugere a Bolsonaro “demitir todos os 11 ministros do Supremo”

O ex-deputado federal e presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, um dos mais recentes aliados de Jair Bolsonaro em sua tentativa de aproximação com representantes do Centrão em troca de apoio, recomendou ao presidente da República demitir todos os 11 ministros do Supremo Tribunal Federal e cassar as concessões ligadas ao grupo Globo.

Em sua conta no Twitter, ele afirmou: “Bolsonaro, para atender o povo e tomar as rédeas do governo, precisa de duas atitudes inadiáveis, demitir e substituir os 11 ministros do STF, herança maldita. Precisa cassar, agora, todas as concessões de rádio e TV das empresas concessionárias GLOBO. Se não fizer, cai”.

Na sequência, Roberto Jefferson postou uma foto segurando um fuzil e escreveu: “Estou me preparando para combater o bom combate. Contra o comunismo, contra a ditadura, contra a tirania, contra os traidores, contra os vendilhões da Pátria. Brasil acima de tudo. Deus acima de todos”. Roberto Jefferson é um colecionador de armas. Ele ficou famoso por denunciar o esquema do Mensalão do PT, mas poupou o bandido corrupto Lula, e teve o mandato de deputado federal cassado em 2005.

Compartilhe nas redes sociais:

Comment here