BrasilNegóciosTodos

Rossi sofre prejuízo de R$ 30 milhões, 72% menor que o do 2º trimestre de 2019

A Rossi reportou prejuízo líquido de R$ 30 milhões no segundo trimestre. A cifra representa uma queda de 72% sobre as perdas registradas no mesmo período do ano passado. Segundo a incorporadora, o resultado foi obtido pelo controle de gastos, pelo forte ritmo de revenda de unidades devolvidas por clientes e pelo bom resultado financeiro, entre outros.

A receita líquida somou R$ 8,4 milhões, uma alta de 40% sobre o segundo trimestre de 2019. As rescisões de contratos alcançaram R$ 37,7 milhões (apenas a fatia da Rossi), 6% menor que há um ano. Noventa e nove por cento das unidades devolvidas já estavam prontas; apenas 1% delas seria entregue neste ano.

A Rossi acrescenta que 93% das unidades retomadas já foram revendidas. O resultado financeiro líquido ficou positivo em R$ 53,3 milhões, ante perdas de R$ 38 milhões no mesmo período do ano passado. O ebitda ajustado foi negativo em R$ 77,8 milhões. Trata-se de uma perda 22% maior que a registrada um ano atrás. (Money Times)

Compartilhe nas redes sociais:

Comment here