PolíciaPolíticaSaúde e MedicinaTodos

Secretário da Casa Civil de Santa Catarina deixa o cargo após apuração sobre compra de respiradores

O secretário Douglas Borba, chefe da Casa Civil de Santa Catarina, apresentou na manhã deste domingo o pedido de exoneração de seu cargo. A saída ocorre em meio à crise envolvendo a compra fraudada de 200 respiradores pelo governo do Estado. em uma iniciativa muito corrupta, com pagamento antecipado de R$ 33 milhões. Os equipamentos ainda não foram entregues. Douglas Borba é apontado como o responsável por impor a indicação da empresa Veigamed para a compras dos respiradores.

“No pedido, Borba explica que o afastamento é necessário para que possa cuidar de sua defesa e seguir colaborando espontaneamente com as investigações em função de seu nome ter sido citado no processo de compra de respiradores pela Secretaria de Saúde”, afirma a nota do governo catarinense. Uma força-tarefa composta pelo Ministério Público de Santa Catarina, Tribunal de Contas do Estado e Polícia Civil deflagrou uma operação que apura fraude no processo de aquisição dos respiradores.

Compartilhe nas redes sociais:

Comment here