BrasilJustiçaPolíciaTodos

STJ mantém condenação de André do Rap, chefão do PCC, por tráfico internacional

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve nesta terça-feira (13) a condenação do traficante de drogas André de Oliveira Macedo, vulgo André do Rap, a 15 anos e seis meses de prisão pelo crime de tráfico internacional de drogas. O caso foi decidido pela Sexta Turma do tribunal.

O traficante é acusado de integrar uma organização criminosa especializada no envio de drogas para a Europa, utilizando o porto de Santos. Os fatos foram investigados na Operação Oversea, da Polícia Federal, em 2014.

André do Rap estava preso desde a semana passada, mas foi beneficiado por um habeas corpus concedido pelo ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal. Embora a decisão tenha sido revogada pelo presidente da Corte, Luiz Fux, o traficante deixou a penitenciária de Presidente Venceslau (SP) e está foragido. Nesta quarta-feira, a soltura do megatraficante será analisada pelo plenário do STF.

Compartilhe nas redes sociais:

Comment here